• CONTENT

Parafuso não é commodity!

15/09/2017 10:16
 parafuso-nao-e-commodity | Blog

Optar por fornecedores que oferecem preços de parafusos baixíssimos pode parecer vantajoso, mas também muito arriscado.

 

É comum no segmento B2B encontrarmos as famosas “guerras de preços” de produtos comoditizados. Pior do que isso é nos depararmos com uma infinidade de organizações tratando os parafusos e acessórios como verdadeiros commodities.

 

Além de adquirir produtos de procedência duvidosa, muitas vezes o cliente acaba pagando por uma “intenção de compra”, ou seja, após o fechamento do pedido descobre que determinado fornecedor sequer tinha o item em estoque. Percebe então que a oportunidade era boa demais.

 

Confira neste artigo por que a comoditização de parafusos e outros fixadores podem afetar seriamente a sua indústria.

 

O que é commodity?

 

O termo “commodity” nada mais é do que uma referência matérias-primas e produtos em estado bruto, ou também, com bem pouco estado de industrialização.

 

Tais produtos não possuem distinções aos olhos do cliente consumidor. Não importa se o produto é de um fornecedor ou outro. O que importa é o preço a ser pago.

 

O que isso tem a ver com parafusos?

 

Por mais que pareçam simples, qualquer parafuso ou fixador de qualidade é desenvolvido de acordo com normas específicas. Isso é necessário para garantir a durabilidade e resistência do produto, seja contra cargas, tensões, trepidações e a tão temida corrosão.

 

Além disso, existem diversos outros fatores por trás dos preços de parafusos que muitas vezes não são levados em consideração, como desenvolvimento, estocagem, logística, entre outros. Saiba mais sobre esta questão e sobre o termo “TCO” clicando aqui.

 

Preços de parafusos é um indicativo!

 

Parafusos, porcas e arruelas de qualidade fazem grande diferença na hora da aplicação. Fornecedores que trabalham com preços de parafusos muito baixos podem estar escondendo alguma notícia ruim.

 

Quando a fabricação não acompanha corretamente os padrões de qualidade estabelecidos, coloca em risco não só os processos industriais dos clientes, como também a vida de pessoas.

 

Se pesquisarmos pelos noticiários, veremos que a maioria dos recalls realizados por empresas é devido à troca ou reposição de parafusos e outros fixadores.

 

Parceria estratégica e negociação

 

A melhor forma de otimizar a aquisição de parafusos e outros fixadores é escolhendo o fornecedor ideal para sua organização. Opte por fornecedores especialistas ao invés de generalistas, já que poderão oferecer melhores condições e sugerir itens que talvez seus projetistas sequer haviam considerado.

 

Bons fornecedores de parafusos possuem certificações de todos os seus produtos, bem como de seus processos (ISO 9001). Isso assegura que todos os itens comprados serão acondicionados, separados e entregues corretamente.

 

“Quando a esmola é demais, o Santo desconfia”

 

Não importa se você é um comprador industrial, um varejista de ferragens ou um profissional autônomo. Como qualquer segmento do mercado, é possível encontrar todo tipo de fornecedor – do mais duvidoso ao mais conceituado. Cabe a você profissional discernir entre todas as opções, qual se melhor adéqua aos seus projetos e valores.

 

Fonte: Wikipedia

Galeria de fotos
Comentários icone comentários 0 Comentários
Deixe seu comentário!
Leia Mais Matérias
Parafuso: Onde surgiu? | Blog

Parafuso: Onde surgiu?

Existem algumas teorias a respeito do surgimento do parafuso e quem seria seu inventor. Uma delas indica que o grego Arquitas de Tarento o teria...

Ver Mais
SOLICITE SEU ORÇAMENTO