• CONTENT

Rebite: principais tipos e aplicações

09/01/2018 12:48
 rebite-principais-tipos-e-aplicacoes | Blog

O rebite é um fixador mecânico considerado semipermanente.

 

Antes de sua aplicação, seu corpo consiste de uma haste cilíndrica de metal, com cabeça em uma de suas extremidades. Sua aplicação ocorre através do achatamento de sua ponta em um orifício pré-perfurado.

 

Este achatamento (deformação por golpe) faz a haste cilíndrica preencher o orifício, prendendo o rebite e expandindo-se até 1,5 vezes seu diâmetro original. Desta forma o rebite é inserido de forma definitiva.

 

Existem diversos tipos de rebites, porcas rebite, como também, variações de cabeças e de hastes. Apresentaremos três tipos muito conhecidos.

 

Rebite Sólido (Cabeça Redonda)

 

rebite sólido, também chamado de “rebite maciço” ou “rebite de bater” é um dos mais antigos fixadores, utilizado desde a antiguidade. Existem registros do uso deste tipo de rebite datados da Era do Bronze.

 

Seu formato é simples: uma haste cilíndrica com uma cabeça. Sua aplicação ocorre da deformação através do impacto de um martelo ou uma pistola aplicadora.

 

É muito comum vermos os rebites sólidos em filmes de época, como no velho oeste, em locomotivas e vagões; grandes embarcações como o Titanic; aviões de guerra.

 

Rebite Sólido (Cabeça Redonda)

 

Rebites Semi Tubulares

 

Similares aos rebites sólidos, os rebites semi tubulares possuem uma parte de sua haste oca, na extremidade contrária à cabeça. O objetivo desta parte oca é reduzir a quantidade de força exigida para a aplicação.

 

Costumam ser utilizados em projetos que necessitem de movimento, já que apenas o final da haste (parte oca) é deformado.

 

Rebite Semi Tubular

 

Rebite de Repuxo (Rebite POP)

 

rebite de repuxo é um dos mais utilizados atualmente. Costuma ser chamado de rebite POP (nome da marca do fabricante original, posteriormente adquirido por uma divisão da Stanley Black & Decker). Sua haste é tubular, trazendo dentro de si um mandril.

 

Sua aplicação é simples: o rebite de repuxo é introduzido no orifício de união das peças e, com a utilização de um rebitador manual, seu mandril é puxado, fazendo sua cabeça expandir a extremidade da haste até o seu travamento.

 

Curiosidade: o nome “pop” surgiu devido ao barulho provocado quando o mandril é arrancado da haste do rebite.

 

Rebite POP

 

 

Aplicações

 

Os rebites são muito utilizados em projetos onde se tem acesso de apenas um lado. Normalmente são aplicados para uniões de materiais que, a princípio, não serão desfeitas.

 

O processo de rebitagem é considerado econômico, se comparado a outros como a soldagem a ponto. Por isso, é bastante utilizado na fabricação de eletrodomésticosbrinquedos, na indústria automotiva, união de chapas e outros.

 

 

 

Galeria de fotos
Comentários icone comentários 0 Comentários
Deixe seu comentário!
Leia Mais Matérias
Parafuso: Onde surgiu? | Blog

Parafuso: Onde surgiu?

Existem algumas teorias a respeito do surgimento do parafuso e quem seria seu inventor. Uma delas indica que o grego Arquitas de Tarento o teria...

Ver Mais
SOLICITE SEU ORÇAMENTO